Conecte-se com a gente

Marketing

5 passos básicos para rankear um texto do seu blog no Google

Rankear Google

Os 5 passos básicos para rankear um blogpost são a pesquisa e utilização da palavra-chave, a escolha de bons títulos e subtítulos, a construção de bons links e meta descrições, o desenvolvimento com boa usabilidade de página e, por fim, a aplicação de um filtro de relevância. Mas para colocar isso tudo é prática é preciso voltar um pouco no estudo e entender um pouco mais sobre SEO.

Marcar presença no universo digital é indispensável. Destacar-se, entretanto, é uma tarefa difícil, principalmente em meio aos infinitos conteúdos disponíveis aos usuários. Existem técnicas específicas que podem evidenciar o seu material. No caso de um blog, por exemplo, saber como fazer o SEO pode tornar o texto muito mais visívelnos mecanismos de busca.

SEO, ou Search Engine Optimization, é a aplicação de técnicas para otimizar páginas na internet com o objetivo de deixar os conteúdos com um bom posicionamento nas páginas de busca, como o Google, aumentando o tráfego orgânico e ganhando pontos de credibilidade e confiabilidade. Através desse sistema é possível mudar completamente a percepção do seu negócio diante do público.

Pronto, agora que você já sabe a importância de trabalhar bem o texto para obter um bom rankeamento, vamos sair da teoria para a prática. Aproveite as 5 dicas e otimize os seus resultados.

1. Pesquisa e utilização de palavras-chave

A escolha da sua palavra-chave é o primeiro passo para um bom rankeamento. O próprio Google oferece um buscador para que você veja quais são os termos mais ou menos pesquisados e escolha um que apresenta um alto número de buscas.

2. Títulos e subtítulos atraentes

Seu título precisa ser compacto, objetivo e tratar diretamente do tema do texto. Ele é o cartão de visitas do material e precisa ser, muito além de atraente, útil.

Ninguém quer saber daqueles textões “estilo Facebook”. Blogpost precisa ter boas quebras ao longo da sua construção. Utilize subtítulos para segmentar as abordagens e fazer listas de dicas e sugestões, como esta que você lê agora.

3. Meta descrição

Apesar de não pontuar para o rankear no Google, a meta description é uma ótima oportunidade para fisgar leitores, mostrando precisamente sobre o que trata o texto. Descreva o seu post em até 153 caracteres utilizando a palavra-chave escolhida.

4. Usabilidade da página

Mobile first. Esta deve ser a sua mentalidade ao construir páginas na web atualmente. É impossível ignorar a imensa parcela que utiliza dispositivos móveis, portanto verifique se o seu site tem uma boa usabilidade para todos os formatos.

5. Filtro: relevância do conteúdo

Por último, mas talvez o mais importante, filtre o seu conteúdo. Leia e releia o post para ter 100% de certeza que cada palavra que ali está é relevante e importante para solucionar as dúvidas do leitor e cumprir o objetivo do texto. Alinhe o título com o assunto para trazer apenas pessoas realmente interessadas no conteúdo. Traga novidades de mercado e pontos de interesse do seu mercado consumidor.

Pronto, preparado para rankear o blogpost da sua marca? Estratégias manuais podem ser combinadas com ferramentas para alavancar a estratégia e o posicionamento digital.

Se você busca uma consultoria especializada para garantir efetividade e investir tempo no que realmente traz retorno, deixe um olá nos comentários. Entraremos em contato para entender a sua necessidade sugerir o especialista de mercado que mais se adequa ao seu projeto.

Assine nossa newsletter semanal

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Fluxo de cadência: saiba o que é como estruturá-lo em vendas! Fluxo de cadência: saiba o que é como estruturá-lo em vendas!

Fluxo de cadência: saiba o que é como estruturá-lo em vendas!

Vendas

Scrum: saiba como utilizá-lo para elevar as entregas da agência! Scrum: saiba como utilizá-lo para elevar as entregas da agência!

Scrum: saiba como utilizá-lo para elevar as entregas da agência!

Processos

Saiba o que é como trabalhar o Social Selling na sua empresa! Saiba o que é como trabalhar o Social Selling na sua empresa!

Saiba o que é como trabalhar o Social Selling na sua empresa!

Vendas

Clientes recorrentes: confira estratégias e dicas de como fidelizá-los Clientes recorrentes: confira estratégias e dicas de como fidelizá-los

Clientes recorrentes: confira estratégias e dicas de como fidelizá-los

Vendas

Anúncio
Conectar
Assine nossa newsletter semanal