Conecte-se com a gente

Gestão

A importância da análise de dados para a tomada de decisão

A importância da análise de dados para a tomada de decisão

Nunca é tarde demais para simplificar decisões e torná-las assertivas. Aprenda a efetuar uma boa análise de dados.

Coletar informações dos leads ou clientes atuais se tornou um procedimento de praxe há algum tempo já. Assim, ousamos dizer que você certamente está empenhado nessa missão também. E, felizmente, terá bastante material para efetuar uma análise de dados digna da riqueza que veio acumulando nos últimos tempos.

Uma pilha de dados esquecida no meio da sala

Mas acumular não é bem o melhor verbo para se colocar em prática quando se trata de dados.

Portanto, a primeira lição – e talvez a mais importante – de hoje é:

O pior erro que se pode cometer é não fazer uma boa análise de dados antes de tomar decisões importantes. Fica a reflexão…

Mas há outros erros comuns também, como não saber construir relatórios ou cruzar indevidamente as informações colhidas. Interpretações ruins são tão perigosas quanto esquecer os dados empoeirando no meio da sala.

Os dados da análise de dados

As startups que mais se deram bem nos últimos anos, foram as que tiveram a inteligência de utilizar as informações dos usuários a seu favor.

A lista não é pequena: Amazon, Facebook, Netflix, Spotify e por aí vai…

Só no Brasil, Big Data e analytics correspondem a 20% das startups com soluções tecnológicas emergentes. E, no que diz respeito a estratégias de marketing digital, não é diferente, veja o gráfico abaixo:

analise-de-dados_CMOs

Fonte: CMO Summit Survey Results

Embora os dados apontados falem de grandes corporações e negócios digitais, engana-se você ao pensar que, só por não se encontrar nestes dois grupos, deve dispensar um bom analista de dados.

A extração e cruzamento de dados é mais antiga do que parece. Povos antigos já utilizavam tais técnicas a fim de prever situações climáticas e marítimas e obter melhores resultados.

Se o seu negócio é um varejo B2C, por exemplo, veja o que um estudo feito pela Forrester revelou:

analise-de-dados_profissionais-de-marketing-b2c

Fonte: A Forrester Consulting

Já na Forbes, uma das fontes mais confiáveis que temos atualmente na internet, encontramos este artigo que cita a cultura de análise de dados, não apenas como diferencial competitivo, mas como uma ferramenta crucial para qualquer pequeno e médio negócio.

Pois bem, eis nossa segunda lição:

A menos que sua empresa já esteja esbanjando resultados palpáveis, está mais do que na hora de utilizar a os dados a favor dos negócios.

Só assim você irá sair do campo intuitivo, baseado em experiência e visão de mercado para o campo de maiores chances de sucesso baseadas em decisões estratégicas de fato.

Adeus achismos

Uma boa análise pode render ações assertivas e garantir vantagem competitiva a qualquer empresa que saiba utilizá-la com inteligência.

A crescente evolução tecnológica veio nos dar uma mãozinha. Existem ferramentas com dashboards intuitivos e relatórios produzidos em tempo real que facilitam o dia a dia de qualquer gestor ou membro de sua equipe.

Isto mesmo, não há necessidade de contratar um especialista na área. Basta que, quem estiver destinado a mensurar e analisar os dados a partir destes dispositivos tenha um norte.

Um norte? Sim. Análises gerais não devem ser desconsideradas, elas são importantes para prever tanto problemas quanto oportunidades futuras inesperadas e guiar o seu negócio para caminhos até mesmo opostos aos que você estava planejando.

Mas CUIDADO! Um olhar sem foco e não acostumado com a função, pode se perder em meio a tantos dados e chegar a conclusão nenhuma.

Pode isso, Arnaldo?

Pode. Em meio a tantos indicadores de comportamento de leads, clientes, concorrentes e movimentações do mercado em geral é natural, principalmente no início, ficar perdido.

Os pontos de partida de análise são muitos:

  • Quantidade de visitantes nos estabelecimentos
  • Tráfego no site
  • Hábitos de consumo
  • Atualizações no próprio Facebook
  • Resultados de uma campanha específica

A escolha do que analisar irá depender do seu objetivo. Que também podem ser inúmeros e não precisam, necessariamente, ser únicos:

  • Reposicionamento no mercado
  • Lançamento de um novo produto
  • Promoção sazonal
  • Estratégia de conteúdo bem fundamentada
  • Fidelização de clientes

MUITO IMPORTANTE!

Agora preste muita atenção à terceira lição que este artigo trás:

Independente do seu(s) objetivo(s) final(is), tenha clareza sobre ele(s). As ideias mais inovadoras e estratégias mais inteligentes surgem da seguinte fórmula…

analise-de-dados_acoes-certeiras

Muito bem! São essas ideias inovadoras e estratégias inteligentes que irão ajudar você a alcançar com êxito os seus objetivos.

Captou vossa mensagem?

“Captei. Mas ai, meu Deus! Pra que lado eu vou?” Preparamos uma lista que vai ajudar você a definir no que a análise de dados pode começar sendo útil para a sua empresa.

Espie o quadro abaixo e se inspire ao definir os seus próprios pontos de partida:

analise-de-dados_objetivos

Oh, lá lá. Big Data vem aí e o bicho vai pegar

Encontramos, também na Forbes, um artigo que fala o quanto o Big Data pode revolucionar os setores de marketing e vendas.

Uma maior compreensão sobre a jornada do comprador está entre os 10 melhores insights extraídos pelos times. Taí uma ótima dica para auxiliar a eficácia da sua metodologia Smarketing.

Não sabe o que é Smarketing ou ainda não aderiu o método “power ranger” de aumento de receitaÉ hora de morfar!

Menos campanhas, mais estatísticas e análises

Esse tópico é uma ressalva que veio bem a calhar. Publicamos há algum tempo um artigo sobre a análise de dados em campanhas de marketing. Em resumo, alertamos para a importância de dar mais atenção às campanhas que já estão rodando.

Fazer novos testes A/B mudar as keywords são duas das ações sugeridas como válidas antes de sair enlouquecidamente lançando novas campanhas, “apenas” porque o engajamento inicial não saiu como o esperado.

Acho que acabamos de encontrar nossa quarta – e última – lição:

Lembre-se, os dados estão aí para ajudá-lo sempre! Tudo é mensurável, mas é preciso filtrar os dados relevantes!

Leve sensação de que já dissemos isso antes. Ah, sim! No post que levantamos a questão criatividade vs. análise. Um chamado para agências!

Agora que você tem real dimensão sobre a importância da análise de dados, o que acha de confiar a nós a responsabilidade de compilar mais conteúdos relevantes como este, enquanto você foca na missão de simplificar suas decisões rotineiras e estratégicas? Assine nossa newsletter.

Assine nossa newsletter semanal

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aumente a geração de leads com o funil de vendas em Y Aumente a geração de leads com o funil de vendas em Y

Aumente a geração de leads com o funil de vendas em Y

Ferramentas digitais

O que é e como construir um brand loyalty de sucesso em 7 passos O que é e como construir um brand loyalty de sucesso em 7 passos

O que é e como construir um brand loyalty de sucesso em 7 passos

Marketing

Otimização de conteúdo: 8 hacks para subir de posição no Google Otimização de conteúdo: 8 hacks para subir de posição no Google

Otimização de conteúdo: 8 hacks para subir de posição no Google

Marketing

Como fazer um webinar: da ideia à execução em 4 etapas Como fazer um webinar: da ideia à execução em 4 etapas

Como fazer um webinar: da ideia à execução em 4 etapas

Ferramentas digitais

Anúncio
Conectar
Assine nossa newsletter semanal