Conecte-se com a gente

Ferramentas digitais

Como definir os melhores canais de aquisição para sua ferramenta?

Como definir os melhores canais de aquisição para sua ferramenta?

Entenda o que são canais de aquisição, seu funcionamento e como escolher os ideais para sua estratégia.

Logo depois de abrir uma empresa, o maior desafio é conquistar clientes. Muitas vezes, parece que eles não estão interessados no seu produto ou, simplesmente, não sabem que o negócio existe. Para alcançar mais visibilidade, sua empresa precisa usar os canais de aquisição corretos, mas como descobri-los?

Pois bem, a estratégia de boa parte dos novos empresários é tentar adivinhar onde o negócio pode decolar e se lançar neles. Infelizmente, o resultado costuma ser muito tempo e dinheiro gastos, sem conquistar os clientes necessários ou chamar a atenção do público.

Será que é impossível encontrar os canais de aquisição de clientes perfeitos para sua ferramenta? Se você utilizar os passos desse artigo descobrirá que é possível e chegará a excelentes resultados. Continue a leitura!

Quais são os canais de aquisição possíveis?

Antes de começar a trabalhar com tráfego, é importante compreender quais são os tipos de canais de aquisição possíveis. A maior parte deles pode ser dividida em quatro tipos: direto, orgânico, de referência e social.

O tráfego orgânico é gerado pelas ferramentas de busca. Uma empresa de móveis planejados, por exemplo, recebe esse tipo de tráfego quando alguém procura “melhores móveis planejados” no Google e encontra o site. Existem diversos tipos de estratégias para melhorar seu posicionamento orgânico nas ferramentas de busca chamadas de SEO (search engine optimization).

O segundo tipo, o direto, acontece quando o cliente digita o site da empresa no navegador e vai diretamente para ele. Nesse caso, a empresa deve ser bastante conhecida para que os clientes saibam seu nome e site.

As referências acontecem por meio de links em outras páginas que levam para o site. Os links também ajudam a melhorar o posicionamento em ferramentas de busca e os acessos orgânicos para o site.

Por fim, os canais sociais vêm através das redes sociais, como o próprio nome sugere. É possível usar páginas e perfis empresariais para postar links, artigos de blog e outros conteúdos que levam o lead ao site.

Cada um desses canais possui inúmeras estratégias para conseguir tráfego e leads para o negócio. Assim, fica uma grande dúvida: como escolher os canais de aquisição perfeitos?

canais de aquisição, Como definir os melhores canais de aquisição para sua ferramenta?

Passo 1: Conheça seu cliente e serviço

Para conseguir agradar qualquer um, é importante conhecê-lo. Isso vale para clientes, para serviços e para qualquer um que deseje obter bons resultados com canais de aquisição. O conhecimento do público precisa ser abrangente para compreender exatamente em qual canal deseja conhecer seu negócio.

Quem compra seu serviço usa redes sociais? Quais delas? Quanto tempo permanece conectado e o que influencia seu processo de decisão? Responda essas perguntas detalhadamente para melhorar sua estratégia.

No entanto, de nada adianta criar uma estratégia de canais de aquisição matadora sem um serviço adequado. Seus clientes precisam ter suas necessidades atendidas pela empresa e satisfazer suas necessidades a ponto de indicar a marca para amigos.

Passo 2: Faça pesquisas extensas

No item anterior, você percebeu como o conhecimento do público é importante. Contudo, quem acabou de começar no mercado, dificilmente, tem bases de dados detalhadas sobre seus compradores. Na realidade, muitas empresas que atuam no seu nicho há algum tempo falham em colher esses dados.

Ao estabelecer os canais de aquisição, você precisa fazer testes e mais testes. Muitos têm medo de gastar dinheiro e investem em dois ou três canais que já conhecem. Eles podem não ser os mais corretos e trazer poucos resultados, mas isso só pode ser confirmado por meio de pesquisa.

Esteja sempre pesquisando e identificando canais novos. Pode ser que surja a oportunidade perfeita para adquirir novos leads a um valor mais competitivo.

Passo 3: Escolha seus três canais mais úteis

Existem dezenas de canais de aquisição disponíveis e o mito popular de que uma empresa precisa estar presente em todos está se espalhando. Considerando somente canais online, é possível mencionar Youtube, Twitter, Instagram, Facebook, Pinterest, LinkedIn e muitos outros.

Usá-los para adquirir leads exige tempo e investimento na criação de conteúdos e estratégias. Mas vale a pena? Certamente, não. Quem tenta usar tudo que a internet tem disponível dispersa suas forças e deixa de ser significante em qualquer rede única.

É melhor focar nos três canais que trazem mais resultados e trabalhar muito bem neles. É claro que para ter certeza que são essas as melhores opções, é preciso fazer alguns testes, como mencionado no tópico anterior.

Passo 4: Use métricas para avaliar resultados

Conseguiu determinar os canais mais vantajosos e começou a utilizá-los? Excelente! Mas o trabalho ainda não acabou. Usando os canais de aquisição disponíveis para sua ferramenta, você gera muitos dados e pode trabalhar com métricas.

Elas servem para fazer o acompanhamento e ver se sua estratégia está dando certo. Logo, ao definir quais canais devem ser utilizados, é preciso escolher métricas para acompanhar. A análise pode ser feita semanal ou mensalmente, depende muito do tipo de canal utilizado e seus objetivos.

Em anúncios, por exemplo, é possível analisar os custos por clique da mídia. Assim, você consegue perceber se esse meio de divulgação está sendo eficiente para trazer novos contatos sem ultrapassar os limites de orçamento.

Passo 5: Atualize sua estratégia com o tempo

Avaliar as métricas geradas pelos canais de aquisição é uma forma de perceber, a todo momento, se sua estratégia está ou não funcionando. Não se engane, conseguir escolher os melhores canais de aquisição exige tempo e muitos testes. Uma estratégia que parece genial, inicialmente, pode trazer muito pouco retorno.

Não tenha medo de descartar uma opção e começar do zero. O uso errado de canais de aquisição pode colocar todo seu negócio a perder, gerar custos muito acima do esperado e até piorar sua divulgação.

Sempre avalie os resultados obtidos no período para decidir como continuar trabalhando. Se necessário, faça pequenas mudanças nos seus planos ou até elabore uma estratégia completamente nova. O que realmente importa é conseguir alcançar o público ideal.

Quem deseja melhorar muito suas vendas precisa aproveitar bons canais de venda. Quer entender mais sobre as estratégias para esse tipo de canal e como ela pode ajudar sua ferramenta? Confira o artigo completo sobre o assunto.

Assine nossa newsletter semanal

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aumente a geração de leads com o funil de vendas em Y Aumente a geração de leads com o funil de vendas em Y

Aumente a geração de leads com o funil de vendas em Y

Ferramentas digitais

O que é e como construir um brand loyalty de sucesso em 7 passos O que é e como construir um brand loyalty de sucesso em 7 passos

O que é e como construir um brand loyalty de sucesso em 7 passos

Marketing

Otimização de conteúdo: 8 hacks para subir de posição no Google Otimização de conteúdo: 8 hacks para subir de posição no Google

Otimização de conteúdo: 8 hacks para subir de posição no Google

Marketing

Como fazer um webinar: da ideia à execução em 4 etapas Como fazer um webinar: da ideia à execução em 4 etapas

Como fazer um webinar: da ideia à execução em 4 etapas

Ferramentas digitais

Anúncio
Conectar
Assine nossa newsletter semanal