Conecte-se com a gente

Vendas

Quer mais oportunidades de negócio? Conheça o Hacking Sales!

Quer mais oportunidades de negócio? Conheça o Hacking Sales!

Seja pequena ou grande, é possível construir uma máquina de vendas de alta tecnologia e velocidade. Conheça o Hacking Sales e veja como aplicá-lo!

Se a sua equipe comercial já domina as técnicas de vendas, imagine se você pudesse escalar a operação e aumentar a receita. Com o Hacking Sales, é possível.

Independentemente do tamanho do seu time, a estratégia pode garantir mais e melhores conversões em todas as etapas da jornada de compra.

Continue a leitura e veja como aplicá-la nos seus processos de vendas!

O que é Hacking Sales e de onde surgiu

A estratégia de Hacking Sales consiste em associar as técnicas comuns do processo comercial com ferramentas de automação para potencializar a força de vendas.

O conceito surgiu em 2015 com o lançamento do livro de Max Altschuler, fundador da Sales Hacker. Em Hacking Sales: A Playbook For Building a High-Velocity Sales Machine, ele ajuda empresas a construírem processos de venda de alta tecnologia e performance.

Quer mais oportunidades de negócio? Conheça o Hacking Sales!

Como aplicar essa estratégia: 8 dicas valiosas

Selecionamos algumas das mais de 70 boas práticas sugeridas por Max em seu livro. Acompanhe e prepare-se para aplicá-las em todo o seu funil de marketing e vendas!

1. Construa uma solução irresistível e foque nela

Recentemente, em um conteúdo sobre planejamento financeiro, falamos da importância dos negócios concentrarem seus esforços na melhor solução que puderem entregar. Ideias genéricas tendem a não gerar valor nem para o cliente, nem para a marca.

Por isso, é preciso focar na construção do melhor produto ou serviço que o seu negócio pode oferecer e conhecer as necessidades da sua persona. Assim, será possível implementar uma solução cada vez mais alinhada às expectativas do cliente.

2. Preste atenção à experiência do usuário

Procure estudar a trajetória da sua jornada de compra do ponto de vista do cliente. Avalie como é a experiência do usuário para ter certeza de que o seu site é fácil de navegar e de entender, tanto na versão desktop quanto na versão mobile.

Lembre-se de que, em termos de SEO de visibilidade, o Google favorece plataformas que oferecem boa experiência. Portanto, tome cuidado para não dificultar o acesso do usuário às suas páginas com um monte de pop-us e formulários.

3. Produza e ofereça conteúdo de valor

morte do funil de marketing tradicional fez aumentar a distância entre o contato que o público tem com a sua marca e a decisão de compra pelo seu produto ou serviço. Neste meio tempo, o que você faz para educá-lo sobre a sua solução?

Produzir conteúdo que gere valor para a persona em qualquer etapa do funil é fundamental para criar autoridade no seu mercado. Se um e-book resolver o problema da persona, tenha certeza de que ela se lembrará de você.

4. Construa um relacionamento com a persona

O Hacking Sales também valoriza a construção do relacionamento com a sua audiência por meio da automação de marketing. Se o lead converteu, prepare um fluxo de nutrição com e-mails que acolham a persona no seu negócio, sem forçar a barra.

Ao desenvolver um vínculo emocional, você fortalece a relação e contribui para que ela seja contínua. Evite apresentar o seu produto logo de cara e pense em longo prazo, pois, no momento em que estiver maduro, o lead se tornará cliente.

5. Segmente suas listas com base em ações

É lógico que você não precisa necessariamente esperar que o lead descubra tudo sozinho. É por isso que a segmentação com base em ações e interesses é essencial para responder ativamente às expectativas dos leads.

Além disso, ao segmentar suas listas, você terá informações suficientes para conversar com a audiência de forma personalizada. Para quase 60% dos consumidores, isso tem grande impacto sobre a sua decisão de compra.

6. Use o remarketing para reengajar os leads

De acordo com Max, clientes em potencial não entram em contato direto com um vendedor até que tenham avançado de 60% a 90% em sua jornada de compra. O desafio, portanto, é mantê-los engajados de início ao fim.

Neste meio tempo, é absolutamente normal que o lead se perca ou acabe esquecido. O remarketing ou retargeting oferece recursos não só para o momento da venda, mas para manter a sua marca ativa na consciência do lead.

7. Aumente o Lifetime Value dos seus clientes

E quando os leads já converteram em vendas? O seu trabalho não acabou. O Hacking Sales sugere que você execute ações que promovam a retenção ao mesmo tempo em que ofereçam novas soluções aos clientes.

Um dos segredos para isso é calcular o seu Lifetime Value. Depois, implemente estratégias de up-selling, um programa de marketing de referência e o que mais for preciso para extrair valor de quem já é de casa.

8. Avalie as suas análises cuidadosamente

Assim como em uma estratégia de growth hacking ou growth marketing, no Hacking Sales, o segredo é analisar criteriosamente os seus resultados. Procure perceber de onde os clientes estão vindo e quais são as maiores fontes de tráfego e conversão.

Ao entender melhor os dados do seu negócio, você poderá implementar melhorias em todos os processos anteriores. O melhor de tudo é obter informações a respeito da fluidez do funil de vendas, que está naturalmente sempre mudando.

Quais ferramentas ajudam na automação de vendas

No Clint Hub, agências e empresas clientes dessas agências têm à disposição ferramentas que automatizam o processo de vendas em diversas frentes. Conheça!

Ramper

O Ramper é uma solução de outbound marketing que automatiza a prospecção de vendas B2B, gerando mais leads em menos tempo. Dessa forma, os seus vendedores recebem muito mais contatos, aumentando as oportunidades de negócios.

PipeRun

Com o sistema de CRM de vendas do PipeRun, sua equipe comercial tem à disposição os recursos necessários para melhorar a performance, como pipeline de vendas visual, automação de tarefas, geração de propostas e muito mais.

Xtech

Pequenos e médios empreendedores podem usar a plataforma de e-commerce da Xtech para montar a sua loja virtual. Além de diversas integrações com outras ferramentas, a solução ainda oferece mais de 100 recursos para turbinar as vendas.

TotalVoice

A TotalVoice é uma ferramenta de telefonia digital que, por meio de uma API simples e eficiente, permite integrar ligações, mensagens de voz e SMS a diversas outras plataformas SaaS, como PipeRun, Huggy, Exact Sales, entre outras.

Agências parceiras do hub têm condições especiais de contratação dessas ferramentas para o seu negócio e para os seus clientes. Que tal aproveitar para colocar em prática suas estratégias de Hacking Sales? Conheça agora mesmo o Clint Hub para agências!

Assine nossa newsletter semanal

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Aumente a geração de leads com o funil de vendas em Y Aumente a geração de leads com o funil de vendas em Y

Aumente a geração de leads com o funil de vendas em Y

Ferramentas digitais

O que é e como construir um brand loyalty de sucesso em 7 passos O que é e como construir um brand loyalty de sucesso em 7 passos

O que é e como construir um brand loyalty de sucesso em 7 passos

Marketing

Otimização de conteúdo: 8 hacks para subir de posição no Google Otimização de conteúdo: 8 hacks para subir de posição no Google

Otimização de conteúdo: 8 hacks para subir de posição no Google

Marketing

Conheça a Sower, agência de growth marketing que nasceu do Clint Hub Conheça a Sower, agência de growth marketing que nasceu do Clint Hub

Conheça a Sower, agência de growth marketing que nasceu do Clint Hub

Prestadores de serviços digitais

Anúncio
Conectar
Assine nossa newsletter semanal