Conecte-se com a gente

Agência digital

Indicadores de vendas para agências de marketing digital

Esse texto fará parte de uma série de conteúdos para o Programa de Aceleração do Clint Hub. O tema: A importância dos indicadores de vendas para agências digitais já foi abordado em nosso blog algumas vezes. Assim como “Tudo o que você precisa saber para vender mais e melhor”.

Porém, no artigo de hoje, seremos ainda mais certeiros sobre esse assunto, que continua gerando dúvidas no mercado de agências quanto a sua importância e execução. Principalmente quanto a aprender mais e correr na frente. Vamos lá?

O comportamento do mercado quanto ao uso de indicadores de vendas para agências digitais

Recentemente saiu a 6ª edição da Pesquisa Censo Agências 2020, realizada desde 2014 pela Operand – Um software de gestão para equipes criativas como agências de publicidade, marketing e design.

O intuito da pesquisa anual é mensurar o comportamento do mercado de agências no Brasil. A última contou com as respostas de mais de 1.100 gestores espalhados pelo país inteiro.

Segundo Estêvão Soares: “Esta é, sem dúvida alguma, uma das pesquisas de maior qualidade que eu vi no mercado. A quantidade e o equilíbrio dos dados a tornam uma fonte estratégica inestimável para compreender o comportamento do mercado.”

Essas informações são sobre o momento atual que as agências estão vivendo. No intuito de analisar as principais dificuldades e desafios, e transformá-las em insights valiosos. Principalmente quando falamos em indicadores de vendas para agências digitais, e de como sair na frente da sua concorrência. 

Saiba que o tempo dedicado à gestão do próprio negócio é de apenas 36,3%. Os 72,1% é dedicado ao atendimento. Saiba como melhorar o atendimento ao cliente no ambiente digital e conheça a técnica de People Marketing. Agora, veja as principais dificuldades de gerenciamento das agências:

  • Prospecção de novos clientes: 60,7%
  • Produtividade da equipe ou individual: 43,9%
  • Definição e organização de processos: 39,5%
  • Capacitação e gestão da equipe: 33,7%
  • Desempenho/resultados da empresa: 32,8%
  • Mensuração de resultados: 29,6%
  • Entregas e prazos: 25,6%
  • Administrativo/financeiro: 15,2%
  • Comunicação interna: 9,6%
  • Carga de trabalho por pessoa: 9,1%

Saiba que 18,5% das agências não trabalham com um processo padronizado (Veja como a inteligência operacional das soluções Saas melhoram processos). Saiba também que apenas 17,8% utilizam algum software específico para gestão comercial. Agora, dê uma olhada nos próximos dados que se referem a necessidade de desenvolver habilidades:

  • Business Intelligence: 38,5%
  • Geração de Leads: 32,8%
  • Growth Hacking: 26,6%
  • Otimização de Conversão (CRO): 26%
  • Vendas Online: 20,6%
  • User & Customer Experience: 18,7%

É preocupante como as habilidades para gerir indicadores de vendas para agências digitais ainda caminham a passos lentos. Analisando todos os dados acima, essa é sua oportunidade de sair na frente.

Não deixe que a loucura da rotina, impeça você de se organizar, estabilizar e crescer.

Sobre as habilidades em mensurar indicadores de vendas para agências digitais

Como vimos anteriormente, ainda há no mercado a necessidade de desenvolver algumas habilidades:

Business Intelligence

Ou Inteligência de Negócios, mais conhecido como “BI”, refere-se a um conjunto de tecnologias, metodologias e processos que transformam dados em informações essenciais quando falamos de indicadores de vendas para agências digitais.

O BI vai além das vendas, abrange todos os setores, como: operacional, financeiro, marketing e comercial. Lembramos que 38,5% das agências sentem a necessidade de desenvolver melhor essa habilidade. 

Para se aprofundar mais em Business Intelligence, recomendamos o fera Leonardo Karpinski, especialista em Power BI.

Geração de Leads

Você já deve estar bastante habituado com esse termo. Mas, 32,8% das agências acreditam que precisam melhorar essa prospecção. E esse é um dos intuitos desse conteúdo.

E ainda temos outros artigos sobre esse assunto que você pode deixar embaixo da manga:

Growth Hacking

Nada mais é que o marketing orientado a experimentos. É um termo criado por Sean Ellis – Fundador do GrowthHackers, Qualaroo, e ex-líder do LogMeIn e Dropbox.

O intuito do Growth Hacking é o crescimento da empresa, com foco em conquistar os resultados mais rápidos, através de experimentos e análises de dados.

O principal aqui é encontrar as oportunidades e acelerar o processo de ascensão. 26,6% das agências sentem que precisam melhorar essa habilidade. Para conhecer mais sobre Growth, dê uma olhada no site da Growth Hackers, e no no Gabriel Costa, CMO da Singu.

Otimização de Conversão (CRO)

A sigla CRO significa Conversion Rate Optimization, ou seja, Otimização de Conversão. Esse termo refere-se a um conjunto de ações que visam aumentar as conversões em sites, hotsites, landing pages e lojas virtuais, explorando melhor o tráfego já existente.

Boas estratégias de CRO são capazes de reduzir o CAC (Custo de Aquisição de Clientes). 26% das agências acreditam que precisam melhorar essa habilidade.

Veja: Como uma estratégia de otimização de conversão (CRO) pode melhorar seus resultados de marketing digital!

Vendas Online

O próprio nome já se refere à prática. Vender no meio digital. 20,6% das agências acreditam que precisam melhorar essa habilidade. Você se encaixa nesse percentual? Se sim, esse conteúdo foi feito sob medida. Continue aqui com a gente, que o melhor ainda está por vir. 

E não deixe de conferir: 4 estratégias simples para aplicar a psicologia em vendas digitais!

User & Customer Experience

User Experience (UX) e Customer Experience (CX) são práticas ligadas ao bem estar do consumidor, no intuito de atrair, converter e fidelizar. São usados em toda a jornada de compra. A fim de encantar e transformar a experiência do usuário em algo único. 18,7% das agências ainda acreditam que precisam melhorar essa habilidade.

Saiba também que 12,6% das agências não avaliam a produtividade da sua equipe;  25,7% não consegue garantir que um job ou projeto irá ter o melhor resultado possível (financeiramente falando); e apenas 1,9% participam de eventos em busca de oportunidades, acredita?

Todas esses pontos acima são necessários quando falamos de indicadores de vendas para agências digitais. Estamos aqui para você melhorar todos eles. Acredite…

Principais indicadores de vendas para agências digitais

Esperamos que você esteja por dentro deles, e que estejam lhe dando bons resultados. Caso contrário, não se assuste, a solução completa ainda está por vir…

  • Custo de Aquisição de Cliente (CAC);
  • Ticket Médio (TM);
  • Taxas de Conversão do funil de vendas (CR);
  • Churn rate (Taxa de rotatividade de clientes);
  • Receita Anual Recorrente (ARR);
  • Lifetime Value ou Valor de tempo de vida do cliente (LTV);
  • Retorno sobre o investimento das campanhas de mídia (ROI);
  • Número de leads gerados;
  • Número de leads qualificados;
  • Número de negócios fechados;

Bastante indicadores não é mesmo? E Segundo a Pesquisa Censo Agências 2020, esses são os principais motivos pelos quais as agências perdem clientes:

  • Cliente não percebe valor no serviço prestado: 50,9%
  • Concorrência (temos muitas empresas na região ofertando serviços semelhantes): 15,1%
  • Cliente contrata profissionais de comunicação/marketing: 9%
  • Cliente contrata freelancers para desenvolver o trabalho: 7,4%
  • Falta de proatividade da minha empresa: 7%
  • As demandas do cliente vão além da capacidade técnica: 3,7%
  • Dificuldade de entendimento técnico e aprofundado do mercado em que o cliente atua: 2,1%

Agora, olhem a frequência de ações para retenção de clientes:

  • Alto: 13,9%
  • Baixo: 39,9%
  • Médio: 33,4%
  • Nunca: 12,9%

Outra dado interessante é sobre o índice de prospects que se tornam clientes ativos. A pergunta foi feita com base em um cenário ideal: a cada 5 prospects, 2 clientes… 40% das agências conseguem bater essa meta. E os outros 60%, como ficam? Quais suas maiores dificuldades?

Os indicadores de vendas para agências digitais tem tudo haver com essas porcentagens. Isso indica que eles não estão sendo utilizados da maneira correta. 

Aproveite as oportunidades que esses dados reais estão dando à você, e corra na frente!

A solução?

Nosso Programa de Aceleração!

Em 90 dias vamos juntos estruturar uma área comercial para a sua agência que garanta resultados concretos. Através de mentorias semanais, seremos seu braço direito em vendas!  Vamos juntos?

Confira outros conteúdos que podem ser do seu interesse:

Dúvidas? Deixe seu comentário! Nossa missão é ajudar sua agência a crescer!

Até mais! 😉

Assine nossa newsletter semanal

Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

funil de vendas em y funil de vendas em y

Funil em Y para agências digitais

Agência digital

como montar um playbook de vendas como montar um playbook de vendas

Como montar um playbook de vendas para agências digitais?

Agência digital

Guia completo sobre branding para agências digitais Guia completo sobre branding para agências digitais

Guia completo sobre branding para agências digitais

Branding

Pequenas empresas começam por onde no marketing? Pequenas empresas começam por onde no marketing?

Pequenas empresas começam por onde no marketing?

Marketing

Anúncio
Conectar
Assine nossa newsletter semanal